18 de janeiro de 2018

Crea-AL fecha ano de 2017 com avanços e benefícios para os profissionais

Iniciando as atividades de 2018, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Alagoas (Crea-AL), faz um balanço positivo do trabalho realizado durante o ano de 2017. Dentre as principais ações, destacam-se a mudança de seu atendimento, a reforma da sede histórica, novas ferramentas para melhoria da fiscalização, convênios e eventos técnicos gratuitos com certificados. Na sede histórica,  foi iniciada uma reforma e recuperação para disponibilizar ao profissional mais conforto e um espaço Gourmet e a reativação da biblioteca Fernando Cardoso Gama. Além disso, a atual gestão garantiu, pelo segundo ano consecutivo o prêmio “Gestão de Qualidade”, pelas melhorias administrativas implantadas desde 2015. Confira as principais ações:

Novo Atendimento 

Ano passado, o Crea-AL modernizou seu atendimento. O novo layout na recepção foi pensando no conforto e na praticidade para os profissionais. Quem ainda não conhece o novo espaço, conta com uma ampla área social com três computadores com livre acesso ao Sistema para consultas e emissões de documentos. O Crea também disponibiliza colaboradores para orientar no manuseio do Sistema de Atendimento ao Profissional (Sitac) e no esclarecimento de dúvidas. O ambiente também pode ser utilizado como ponto de encontros de negócios. É praticamente um escritório.

Por meio do serviço online, o profissional ganha tempo para realizar qualquer operação de casa ou de seu escritório. Em 2017 os serviços mais realizados foram os protocolos com 8.190, as Certidões de Acervo Técnico (CAT) com 7.028 e as Anotações de Responsabilidade Técnica (ART) com 22.484.

Mais Fiscalização: Nova frota de carros e uma van

O setor da Fiscalização evoluiu bastante em 2017. Visando melhorar e garantir resultados eficientes durante as fiscalizações realizadas pelo Crea-AL, o Conselho adquiriu, um veículo utilitário VAN, marca Renault, mais dois carros, marca Fiat, deixando o setor com 7 carros e 1 van.

A intenção, de acordo com o gerente de Fiscalização do Crea, Rafael Helvis, foi dar melhores condições de trabalho para os fiscais e intensificar as ações do Conselho. A aquisição dos veículos possibilitará uma atuação mais efetiva. “Os novos carros proporcionam mais segurança e conforto aos fiscais para a realização de uma fiscalização mais eficiente, especialmente, no interior, onde é preciso percorrer vários municípios”, explicou.

“E com a Van, implantamos o Crea Móvel, para conseguir realizar ações maiores e concentradas com nossa equipe, além de poder fazer registro de novos profissionais nos interiores que nos solicitarem”, finalizou Rafael.

Convênios e descontos: benefício ao profissional habilitado

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Alagoas (Crea-AL) durante o ano de 2017, firmou um acordo, por meio de convênios, com faculdades em Maceió garantindo descontos de cursos para colaboradores e para os profissionais adimplentes com o Conselho.

Ao assinar os convênios de parceria, o presidente do Crea-AL, Fernando Dacal, afirmou a oportunidade que os profissionais adimplentes com o Crea têm de se qualificar. “Com um mercado de trabalho bastante competitivo, é válido esse tipo de capacitação e especialização. Estamos felizes em contribuir com o desenvolvimento educacional por meio das parcerias com instituições como a Unit, a FAN-FGV, FAT, Ipog”, destacou.

Eventos

Entre fevereiro e novembro de 2017, foram realizados 14 eventos, alguns deles em parceria com entidades de classe registradas no Crea-AL, com isso, aproximadamente 1.500 profissionais em 2017 participaram de eventos no Crea.

A criação do Papo no Mirante, palestras técnicas, assuntos relevantes à sociedade foram destaques ano passado. O presidente do Conselho, sente-se satisfeito com a realização desses eventos. “Continuaremos investindo em eventos que preparem os profissionais para o novo momento que a engenharia vem vivendo”, conclui.

Prédio reformando

Em fevereiro de 2017 foi assinado o contrato que teve como objetivo a elaboração do projeto de reforma da antiga sede. E em tempo de um mês desta assinatura, as obras foram iniciadas. A intenção do Crea é utilizar uma parte do espaço reformado para construir um bistrô, além disso, o Conselho planeja a reativação da biblioteca Fernando Gama, um ambiente de preservação histórica e de estudos.

Responsável pela adesão da atual sede, entre os anos 1979 e 1981, o engenheiro Vinícius Maia Nobre mostrou-se bastante emocionado. “Em meu tempo de presidente do Crea, tínhamos como objetivo buscar uma sede própria. Para garantir essa conquista, nomeei uma comissão para trabalhar. Essa foi uma área que assim que vi, gostei.  Esperamos que os profissionais tomem gosto e passem a frequentar mais ainda nosso Crea”, disse Maia Nobre.

Gestão de Qualidade

A busca pela excelência no serviço prestado para o profissional e a sociedade fica mais evidente no Crea-AL com o passar do tempo. Em 2017, a atual gestão da instituição recebeu, pelo segundo ano consecutivo, da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), o prêmio Estadual da Qualidade. Com a premiação, o conselho alagoano é o segundo do País, dentre os de engenharia e agronomia, a ter o reconhecimento. Representada pelo Movimento Alagoas Competitiva (MAC) em Alagoas, a premiação da FNQ é o maior reconhecimento que administrações públicas e privadas podem conquistar no Estado.

Para alcançar este patamar, o Crea Alagoas teve que realizar diversas mudanças no seu dia a dia de trabalho. Foi importante alinhar ao Modelo de Excelência em Gestão (MEG), onde são pontuados oito critérios (Liderança, Estratégia e Planos, Clientes, Sociedade, Informação e Conhecimento, Pessoas, Processos e, por último, Resultados).